Mensagens

A mostrar mensagens de Setembro, 2014

Santa Bica, Bica

Imagem
Como é que este post ainda não está escrito?!? Que falha enorme da minha parte ainda não o ter escrito.
Para mim o Santa Bica foi a descoberta deste verão. Desde que fui a primeira vez, repeti sempre que se proporcionou. Levei lá amigos estrangeiros e qualquer desculpa era uma boa desculpa para voltar lá. 
Ora, o conceito do Santa Bica é baseado numa lindíssima zona exterior e um hotel. Óbvio que as piadas com esta combinação foram mais do que muitas, entre se o jantar correr bem, a festa pode continuar mesmo ali ao lado, ou se alguém beber de mais ao jantar tem onde ficar, e por aí adiante.



A comida é tradicional portuguesa baseada em petiscos ou não. Mas para mim, desde que existam petiscos tudo o resto será devidamente ignorado. Os petiscos são fantásticos, os ovos com farinheira, as cascas de batata, os pimentos de padrón, tudo muito bom. 



O ambiente é o típico lisboeta, com vista de rio (parcial, para se ter vista rio é necessário ter a sorte de ficar numa das duas mesas com vista), …

Lateral, Cais do Sodré

Imagem
Depois da experiência menos bem sucedida no Wine Up, pelo menos no que concerne à comida, decidimos abrir a app da zomato e procurar entre o near me e a wishlist um local para jantar. A noite já ía adiantada e a fominha já era muita mas ainda assim houve tempo para alguma indecisão e discussão. Decidimos finalmente pelo Lateral que, curiosamente, já tinha estado em cima da mesa como opção para um jantar do blog. Na altura ganhou o Secadegas, um restaurante que há muito queria visitar. 



Lá fomos nós até ao Cais do Sodré em busca do Lateral. Depois da nossa última tentativa em encontrar um restaurante no Cais do Sodré, encontrar o Lateral foi estranhamente (in a good way) fácil. A decoração é moderna, bastante clean e convidativa, num moderno que pega na tradiocional tasca e torna-a menos....tasca. Como é óbvio fui em passo de corrida em direção do sofá, antes que o Sebastião se adiantasse e ficasse com o lugar (já não seria a primeira vez que comeríamos lado a lado, pois ambos somos f…

Wine Up, Chiado

Imagem
Wine up, wine up As if you have a choice  Even if you cannot hear my voice I'll be right beside you dear Louder, louder And we'll run for our lives I can hardly speak I understand Why you can't raise your voice to say
(Light Up - Snow Patrol)




Já foi há alguns anos que ouvi os Snow Patrol a cantar esta música no parque da Bela Vista. Mágico! 
O que é que o Wine Up tem haver com os Snow Patrol? O nome desta casa faz-me lembrar o início do refrão da música. O que me leva a cantá-la e consequentemente a estragá-la para todos os que me rodeiam. 
O pessoal sempre simpático da Zomato ofereceu-me um convite para experimentar o Wine Up. Para completar a experiência convidei o Sebastião a acompanhar-me. É necessário neste momento um esclarecimento, não sou grande conhecedora de vinhos, estou naquele grupo de pessoas que gosta de vinhos, e classifica-os em duas categorias: gosto e não gosto. 
Quando chegamos ao Wine Up estavam alguns turistas na pequena esplanada. Depois de procurarmos alguém pa…

Bun's - o atelier do burger, Marquês de Pombal

Imagem
Vi as horas no telemóvel. Saquei do papel meio amarfanhado onde tinha escrevinhado alguns sítios, de comida relativamente rápida, que gostaria de experimentar. E tentei perceber quais eram as minhas opções para almoçar, às três da tarde, num sábado sem carro.



Bun's acabou por ser o escolhido. Bun's fica na Rua Braamcamp,caught between the Moon (ou Marquês de Pombal) and New York City (ou Largo do Rato). I know it's crazy, but it's true.
Sábados à tarde e domingos, turista é rei, lisboetas são miragem. Por isso, não é de admirar que grande parte das pessoas sentadas no Bun's tivessem ar de estrangeiras, com o seu tom avermelhado tão característico.



Não é difícil dar-se conta do Bun's, mesmo os mais distraídos,  com os seus toldos pretos e a sua convidativa esplanada sobranceira à Braamcamp. Para além da simpática esplanada, existem muitas mesas (mesmo muitas) por onde escolher quando se passa a ombreira da porta.

Admito que não estava à espera de um espaço tão …

Vélocité café, Avenidas Novas

Imagem
Bicicletas? Eu? Não, obrigado. Lanchar no meio de bicicletas? Sim, pode ser.


Eu, em cima de uma bicicleta, sempre deu origem a desastre, por isso, após várias desilusões e (muitas) esfoladelas, decidimos partir cada um para seu lado, sem mágoa ou ressentimento, convictos que demos o nosso melhor na relação mas simplesmente não tinha pernas para andar (só rodas...).

Mas o facto de não saber andar de bicicleta (nem fazer tensões, nos tempos mais próximos, de vir a aprender) não implica que tenha algum problema de estar no meio delas. Mais, não tive qualquer problema em escolher um local onde (literalmente) se respira bicicletas para fazer um brunch (muito) tardio.
Vèlocité café é isso mesmo, um local onde se respira bicicletas (é uma bike shop, com acessórios e aluguer de bicicletas, oficina, livraria da especialidade) e ao mesmo tempo um local descontraído onde se pode estar, ler, beber, conversar, comer... um café, um ponto de encontro, uma galeria de arte, um local de lazer.

O esp…