Mensagens

A mostrar mensagens de Outubro, 2013

Angèle, Avenida da Igreja

Imagem
Definitivamente sou difícil de contentar!!! Este é um daqueles casos que me apetece dizer: much ado about nothing, ou em bom português, nem tudo o que reluz é ouro. 
Na minha vidinha normal faço, pelo menos duas vezes por semana a Avenida da Igreja, e numa destas passagens vi uma nova pastelaria. Os meus olhinhos brilharam, primeiro mais uma oportunidade de post, e depois a decoração exterior e interior da casa convidam a entrar. Ainda passei por lá algumas vezes até ter oportunidade de entrar e experimentar.
No último sábado a oportunidade surgiu, e numa de pequeno almoço tardio decidi entrar. A experiência foi desapontante.  Não sei se foi do avançado da hora, eram 11h, mas a oferta eram croissants franceses e pain au chocolat. Só!!! Mais nada! Havia  ainda alguma pastelaria francesa, mas com ar plástico e pouco convidativo, e duas variedades de pão. Bem, mas lá me sentei, e esperei que me servissem.

O serviço é esforçado, é certo, mas muito desorganizado, o que implicou uma espera ba…

Pizzaria do Bairro, Cais do Sodré

Imagem
Os vossos amigos do 12H30 foram simpaticamente convidados para a preview da Pizzaria do Bairro. Infelizmente os outros dois contribuintes tiveram afazeres de ultima hora, e lá fui eu sozinha. Não vos vou falar muito sobre a preview, pois o ambiente foi um pouco diferente do normal da Pizzaria do Bairro, mas fui muito bem recebida, e foi uma refeição muito divertida e animada.
Entretanto o restaurante já abriu e está a funcionar a todo o vapor (abriu em setembro). Passei por lá e estavam todos muito atarefados. 


A Pizzaria do Bairro nasceu da  renovação de um dos antigos armazéns do Cais do Sodré (mesmo ao lado da estação dos comboios), e tem o conceito, mais ou menos original, de pizzaria sem lugares sentados, onde as pizzas são vendidas à fatia e confecionadas com produtos de origem portuguesa.
E falando sobre as pizzas, aqui esta o ponto onde a Pizzaria do Bairro se destaca. São fantásticas! A ideia de utilizar ingredientes portugueses, apesar de não ser original, aqui está muito bem c…

Padaria do Bairro, Avenidas Novas

Imagem
Eu, Sebastião da Silva, perder-me é algo "tão natural como a sua sede" ou, para ser ainda mais rebuscado, uma verdade de La Palice. É um "dom" que me assola desde tenra idade (mas, ainda assim, melhor que ver "dead people".... acordar e ver o Bruce Willis a olhar para mim era capaz de me dar insónias) e não se tem atenuado com a idade, muito pelo contrário.
Isto tudo porque andava eu nas Avenidas Novas (mais concretamente na Elias Garcia), fisgado em ir ao supermercado Pouco Doce da 5 de Outubro, como tantas vezes já o fiz, eis que me distraio e pronto lá perdi o norte! Primeiro praguejo e digo vitupérios em relação à minha desatenção, depois reparo num Smallpreço e penso "Serve!". Quando saio do carro, vejo que estacionei em frente a uma padaria com um aspecto todo pintas.



Compras de supermercado....padaria com bom aspecto......cinco segundos depois desta profunda e intensa discussão interior, entrava pela padaria a dentro. A padaria, chamada…