Mensagens

A mostrar mensagens de 2010

Natal e Ano Novo

Imagem
Como não podia deixar de acontecer, toda a (vasta) equipa do 12h30 deseja um Natal e Ano Novo supercalifragilisticexpialidocious a todos os que com coragem, audácia e perseverança lêem o nosso pequeno (mas honesto) contributo gastronómico.

Este ano, em vez de uma foto toda pintas alusiva à quadra natalícia, vamos postar (esta palavra tem algo de bacalhau ...) o nosso primeiro vídeo do Youtube (e não, não é connosco...)! E que melhor vídeo para ilustrar o Natal, do que um com a Julie Andrews aos pinotes por montes e vales austríacos.... melhor só mesmo se fosse um video do Die Hard ou Comando (outros filmes da época de Natal).


Café do Rio, Lisboa

Imagem
Há muito, muito tempo (era eu uma criança...) fiz uma incursão ao Café do Rio, ainda ele se localizava no Parque da Nações, que não correu da melhor maneira (em abono da verdade, as condições climatéricas influíram significativamente na impressão negativa) e nunca se proporcionou dar uma segunda oportunidade.
Eis senão quando me deparo com a notícia que o Café do Rio mudou de local de residência, tendo-se aproximado do centro de Lisboa, mais concretamente "junto" à Casa dos Bicos (Campo das Cebolas). Em bom tempo soube desta notícia pois propiciou-se andar à procura de restaurante e lembrar-me da nova localização do Café do Rio. A decoração tenta fazer o equilíbrio entre o antigo, através de uma autêntica parede pombalina com o reboco e traves à vista, e o moderno, através das cadeiras e mesas com um design moderno. No fim, temos um ambiente simpático e acolhedor.
Na ementa, a figura principal são inquestionavelmente os hambúrgueres, existindo para todos os gosto…

Fábulas, Chiado

Imagem
É sempre um momento curioso quando alguém nos fala de um restaurante, café ou loja cuja existência desconhecemos por completo apesar de ficar numa zona que julgamos conhecer como a palma da nossa mão. Mas há que encarar estes momentos não como uma facada no ego (por afinal não conhecermos assim tão bem a zona como pensamos...) mas como uma benvinda adição ao repertório!


Foi o que me aconteceu com o Fábulas. Longe de mim imaginar que em pleno coração do Chiado, existisse um espaço labiríntico cujo ambiente (e decoração) está algures entre as masmorras de um qualquer castelo medieval e o conforto da sala de estar do Bilbo Baggins :-) Mas assim é o Fábulas, com as suas várias salas (que parecem não se esgotar) com recantos para todos os gostos. Desde poltronas e sofás confortáveis (que nos fazem sentir em casa), a mesas redondas, quadradas ou ovais com cadeiras estofadas a fazer lembrar as casas dos nossos avós, até às intrigantes (mas algo românticas) mesas com máquinas de costura antiga…

Petit Cabanon Café, Lisboa

Imagem
Quem tem crianças com idades entre os 1 e os 10 anos, sabe como ninguém o valor de um sítio onde se possa ir e: eles se divirtam, onde não nos chateiam, onde pulam e correm, onde se cansam, onde podem falar alto sem estar propriamente a incomodar, e onde nós, pais "desesperados" possamos estar à conversa com amigos, ou a ler uma revista ou um livro, ou simplesmente estar... e tudo isto com o descanso mental de que "eles estão bem e à vista"...
Pois meus caros, pais e mães de família (ou tias e tios, cheguem-se à frente e levem os sobrinhos...), apresento-vos o Petit Cabanon Café! Fica situado no Parque das Nações, mesmo em frente à torre Galp, numa zona onde se estaciona com relativa facilidade, e reúne as características enunciadas.
É verdade! A mim permitiu-me num feriado chuvoso estar reunida com amigos de longa data, conversar durante quase 5 horas (5 horas, anotem bem...) e ter uma intervenção quase mínima no meu lindo P. que só tem 4 anos, mas uma energia Dur…

O Lidador, Óbidos

Imagem
Na vinda do nosso passeio por terras do Oeste, fizemos uma paragem na bela localidade de Óbidos para almoçar. 
Que dizer de Óbidos....?! Óbidos é talvez uma das mais bonitas vilas de Portugal, com uma vista das muralhas muito bonita, e com um parque de estacionamento pago.... ah pois é...ainda gostava de saber porque é que vilas/aldeias/terras fora de Lisboa adoram apanhar os maus costumes da cidade... mas enfim, como é Óbidos, nós perdoamos!
Já tínhamos vindo a este restaurante em tempos (ainda não havia 12h30...), num dia em que estava a decorrer a Vila Natal. Nem a propósito... a não ser que tenham crianças com mais de 5/6 anos e que já saibam usufruir da pista de gelo e afins, não vão à Vila Natal! Não vale a pena, não tem nada de especial, e se forem a um fim-de-semana ainda se arriscam a filas intermináveis!
Voltando ao "Lidador", já na altura jantámos muito bem! Se a memória não me falha....nos tempos idos de 2007... :) comemos polvo à lagareiro e secretos de porco preto…

Rosinha de S. Paulo, Cais do Sodré

Imagem
Verdade que nem sempre existe uma razão mais profunda do que a vontade de comer algo em boa companhia, para se ir jantar fora. No entanto, a incursão ao Rosinha de São Paulo (cuja existência desconhecia e, melhor, era apelidado (de forma carinhosa) por quem já lá tinha ido por porco sujo :-) resultou na escalada de violência em relação a comentários feitos ao preço que costumamos pagar nos restaurantes que colocamos no blog.
Da discussão resultou que eu escolhia o dia e quem tanto reclamou (a quem carinhosamente vou chamar scroogezinha :-) descortinava um restaurante onde se comesse bem e barato. E foi assim que demos por nós a caminhar pelas ruelas escuras e pouco sanitárias (mas com uma variedade de personalidades circulantes deveras coloridas) do Cais de Sodré, a caminho da Rosinha de São Paulo.

Como descrever a Rosinha... Restaurante atascado pequeno mas com aspecto asseado (de todo não fez jus ao termo carinhoso que lhe puseram, talvez  entretanto tenham descoberto os produtos de …

Café Ciência

Imagem
Não é que eu seja a favor de greves, bem pelo contrário sou na maioria das vezes contra este tipo de reivindicação. Mas na última greve "geral" fiz greve, e por isso eu e o Sebastião decidimos aproveitar o dia e manifestarmo-nos contra a situação política e económica do país da melhor forma: indo almoçar fora.

O local que teve o prazer da nossa visita foi o Café Ciência no Pavilhão do Conhecimento, que se encontra actualmente a ser explorado pelo grupo Quinta das Lágrimas. O espaço é amplo e arejado, com uma decoração bem interessante, só peca por ser pouco acolhedor, falta ali qualquer coisa, talvez mais mesas.

Para almoço é possível escolher entre os pratos do menu da semana, que conta com sopa e 3 pratos principais que mudam diariamente, e o menu fixo onde podemos encontrar tostas, sanduíches e saladas. Optamos por uma salada variada, ou seja, um pouco de todas as saladas (menos a de salmão que o Sebastião não aprecia muito) e uma Bruschetta de Scarmoza Fumada, tomate, rúcu…

Mar Bravo, Nazaré

Imagem
Assim que passámos junto ao restaurante, ficou decidido imediatamente onde seria o nosso jantar! Ambos gostámos imenso do aspecto do restaurante, muito a fugir ao tradicional da Nazaré (que não tem mal nenhum, atenção!), mas com pequenos toques que o enquadram no espírito da zona. Só o nome diz tudo... Como a escolha foi feita apenas pelo aspecto e decoração, poderia ter corrido mal relativamente à comida... mas por acaso, não! O restaurante está localizado na marginal da Nazaré, e possui umas janelas enormes que deixam ver toda a conhecida arriba e miradouro, o elevador (que não estava a funcionar...), a praia, o mar, o pôr-do-sol... que por acaso, em Outubro mas em bonitos dias de sol, é assim:

Espectáculo, não é?! Ah pois! É preciso saber escolher estes dias bonitos para uma escapadinha!
E agora deixem-me que vos mostre o porquê da nossa escolha, ou seja, a decoração...

Eu sou fã das decorações em tons de branco!
Gostei imenso deste branco todo, das cadeiras transparentes, da iluminaçã…

Portas de Fora, Alcobaça

Imagem
"Estavas, linda Inês, posta em sossego,
De teus anos colhendo doce fruito,
naquele engano da alma, ledo e cego,
Que a fortuna não deixa durar muito,
Nos saudosos campos do Mondego,
De teus fermosos olhos nunca enxuito,
Aos montes ensinando e às ervinhas
O nome que no peito escrito tinhas." in Lusíadas, canto III

Tentar almoçar em Alcobaça não é fácil... então no centro da vila, mesmo em frente ao mosteiro, parece tarefa muito complicada! Mas parece que Inês e Pedro estiveram do nosso lado e encaminharam-nos para a rua do Portas de Fora... :) Obrigada, Inês e Pedro, porque já estávamos cheios de fome, já eram quase duas da tarde, e estava muito sol para andar a correr ruas à procura de comida!

O Portas de Fora tem uma decoração muito tradicional, com muito ferro forjado espalhado pelas paredes do restaurante, com as mesas e ementas de tecidos muito floridos e mimosos. Gostei muito do ambiente familiar (parece que é negócio de duas irmãs) e mais ainda da comida! Ambos literalmen…

Pastelaria Alcôa, Alcobaça

Imagem
A Pastelaria Alcôa é uma nossa velha conhecida... de cada vez que vou a Alcobaça, vamos sempre a este verdadeiro antro do "pecado doceiro"! :) A pastelaria foi fundada em 1957 e tem uma grande variedade de doces conventuais disponíveis. Para os fãs dos doces conventuais, este é sem dúvida um local a visitar. Além destes doces, tem também pastelaria variada ("mais normal", mas com excelente aspecto) e bolos para diversas festas.

Desta vez, e após longos minutos de indecisão, escolhemos "Manjar dos Deuses" e "Segredos de Dona Inês". Mas são momentos muito difíceis na vida de um guloso.... :) este, aquele, ou ainda aquele ali ao fundo...muito complicado! Os doces também são uns verdadeiros pecadores porque conjugam três características: muito bons, algo pequenos, pouco baratos! :)

Deixo-vos aqui algumas imagens destas tentações... mas aviso já que as imagens são apenas uma miragem do que por lá se vende! :) Localização Praça 25 de Abril, n.º 44 (em fre…

Moma, Baixa Pombalina

Imagem
Não, não fui almoçar a Nova Iorque. Não é que não me apetecesse mas só tenho uma hora para almoço, o que deixa pouco espaço de manobra caso haja algum contratempo :-)

Lisboa não é NY mas não deixa de ser uma cidade fantástica, especialmente nos dias em que o sol de Inverno incide nas sete colinas, dando calor a quem se passeia. Ir almoçar à baixa num dia de semana e, ainda por cima, levando carro, era uma tarefa fadada ao desastre (com pouco mais de uma hora de almoço, impossível!). Mas, teimoso como sou, decidi pôr os pneus em marcha e lá fui eu, convicto que, na pior das hipóteses, iria chegar à Baixa e voltava para trás sem comer. Mas só a viagem teria valido a pena :-)

As árvores da Avenida da Liberdade começam a perder a folhagem permitindo que a luz consiga (finalmente!) chegar a quem passeia, a pé ou de carro, dando vida e luz a uma Avenida, que de outra forma, é algo escura e sombria. O Rossio e as ruas que o ligam à Praça do Comércio, cheios de luz e cor, e os reflexos pratea…

Chez Degroote, Chiado

Imagem
E pensar que a escolha do local para jantar começou no Parque da Nações.... mas graças a algumas indecisões e wrong turns acabámos no Chiado à procura de lugar para estacionar e para comer :-) Quis o destino que rapidamente encontrássemos um local legítimo para deixar o carro e que (ainda mais incrível) eu me recordasse de duas sugestões feitas num comentário ao post sobre O Alfaia. Entre o Vitali e o Chez Degroote, escolhemos o segundo.


O restaurante Chez Degroote fica na rua dos Duques de Bragança, ou seja (para os menos esclarecidos em relação à toponímia de Lisboa... como eu), ao fundo da rua do Teatro Estúdio Mário Viegas. Se o exterior do restaurante tem um ar completamente inconspicuous, já o interior é uma bomba visual :-) Cor, cor e mais cor e não, não servem comida mexicana ou sul americana. Com azulão, verde e laranja espalhado pelas paredes, ombreiras, portas, janelas e toalhas de mesa é difícil não ficar à espera que nos sirvam margherita's. Admito que é um pouc…

Amarra Ó Tejo, Almada

Imagem
Este não é definitivamente um restaurante para todos os dias ou qualquer ocasião....como dizia a Sininho, é um "restaurante estupidamente romântico"...pois é! :) Resolvi surpreender a minha cara-metade num dia especial e pensei que o Amarra Ó Tejo seria uma boa opção. E foi!
Confesso que estava um pouco apreensiva... após a escolha, fiz uma pesquisa mais ou menos extensa na net e encontrei de tudo! Os que adoraram, os que detestaram, os assim-assim... e como o preço também não é para todos os dias, fiquei um pouco apreensiva (para mim não há nada pior que pagar muito e comer mal!). Tentei por isso não elevar muito as minhas expectativas...

Começo pela localização... que dizer?! não sei... perfeita, sensacional, fantástica... são palavras que me ocorrem! O restaurante está situado no castelo de Almada, mesmo no topo da arriba, sem nada à frente a não ser uma vista imensa sobre a cidade de Lisboa, a ponte e o rio! Quando cheguei ao restaurante já era noite e portanto ficámo-nos …

Food & Bubbles, Carnide

Imagem
A razão para este jantar foi de grande alegria e comoção... estivemos a festejar a partida desta para melhor de três amigos e, não menos importante, fazermos a partilha dos bens (vulgo testamento) da sininho. Infelizmente, os três amigos estão bem de saúde e a divertir-se à grande algures no sudoeste asiático, mas como ainda não voltaram ainda tenho a esperança de ficar com um MacBook em 3ª mão :-)
O Food & Bubbles fica escondido entre os prédios na parte de trás do Colombo, vulgo Carnide "nova" ou antigo local para estacionar sem pagar. Já tínhamos ido jantar ao F&B depois de uma sessão de popcorn's e sofrimento vampiresco :-), e como detestámos quisemos repetir a experiência...nãaaaaaaaaaaaa... as sessões de masoquismo estão restritas aos filmes da saga Twilight, que vamos ver no cinema apesar de sabermos de antemão que vai ser bosta :-9 
O restaurante por outro lado foi uma agradável surpresa! Excelente comida, bom atendimento, espaço bem decorado e óptima loca…

Restaurante Campo Alegre, Porto

O Restaurante Campo Alegre é um daqueles sítios tradicionais, clássicos, pequenos e intimistas, onde entramos e ficamos com a sensação imediata de que vamos comer bem! :) é uma sensação agradável... :) Melhor ainda, quando as expectativas se concretizam e nós comemos realmente bem!

A oferta culinária do Restaurante Campo Alegre baseia-se nas tradições alentejanas, mas também nas influências africanas. Por isso, é possível uma escolha variada de sabores e de pratos. Não optámos por escolher entradas...calculámos que isso iria comprometer a nossa capacidade de ingerir o que viria a seguir! Para pratos principais, as nossas escolhas recaíram em Arroz de Pescada com Camarão e Ameijoas e Filetes de Polvo com Arroz de Polvo (polvo Paul foge porque aqui pelo Campo Alegre és vítima fácil...:) muitos pratos de polvo disponíveis!). Ambos os pratos estavam excelentes! Muito bem servidos, arrozes no ponto certo, polvo tenrinho... tudo muito bom!

Para sobremesa escolhemos um semifrio de chocolate…

Churrasqueira Rocha, Mealhada

Imagem
Finalmente voltei à Bairrada! Depois de anos a fio, a percorrer a A1 para partilhar as tradições da Páscoa em Caminha (nem sempre foi A1...ainda sou do tempo de se fazer parte do percurso na EN1...meu Deus! como era possível!), e parar obrigatoriamente na Mealhada para almoçar um belo leitão....este tempo de abstinência foi doloroso!! Durante estes anos todos, vários foram os restaurantes que experimentámos por diversas razões: o nosso já estava cheio, vamos ao do lado; uma nova recomendação; o nosso começou a esticar-se na conta, vamos experimentar outro; etc, etc... Experimentámos vários, uns mais conhecidos, outros menos. Vou optar por não enunciar os que ficaram para trás!

De há uns anos a esta parte, e por recomendação de amigos do meu pai que habitam na região, começámos a frequentar a Churrasqueira Rocha. Aparentemente igual a tantos outros (e aqui começa a dificuldade em escolher...eles são aparentemente iguais) mas, segundo parecia, com um leitão mais bem confeccionado e uns …

Culto da Tasca, Sintra

Imagem
Assistir ao concerto de Samuel Úria (foi excelente!), no Centro Cultural Olga Cadaval, serviu de pretexto para descobrir mais um restaurante, desta feita em Sintra. Deixei nas mãos (muito) capazes de quem me acompanhava ao concerto para descobrir um local onde pudéssemos jantar antes de assistir ao concerto. Como sintrense dos três costados, rapidamente disse Culto da Tasca.
E realmente tinha tudo o que se podia pedir de um restaurante pré-concerto: fica em frente ao Olga Cadaval, tem um atendimento rápido, e um preço muito simpático.

O Culto da Tasca é exactamente aquilo que apregoa: uma tasca. Simpática, com bom aspecto e com comida bem portuguesa :-). Bacalhau com natas e uma bela francesinha (preciso dizer qual dos pratos é que eu comi?) foram os pratos pedidos e estavam excelentes! Quantidades mais que suficientes e tudo muito bem confeccionado, uma tasca portuguesa com certeza :-) Como o tempo se esgotou, não foi possível experimentar a qualidade das sobremesas m…